Sobre Nós

Virginia
LIA

HISTóRIA DO NERV

A sua origem remota liga-se à noite da Ditadura, quando a Constituição da República Portuguesa prescrevia religião oficial para os cidadãos. Iniciaram, assim, discretamente os estudos da Doutrina Espírita na casa particular de Sebastião Pinto de Castro e de sua companheira, muito antes de 1974, sob a influência da Sra. D. Virgínia Lousado Faria, médium de excelentes recursos, também inspirada por Maria Gonçalves Duarte dos Santos, já desencarnada, conhecida como Lia. Entretanto, D. Virgínia regressa ao mundo espiritual, onde continua assistindo o N.E.R.V. com toda a sua equipa de trabalhadores incansáveis: é a nossa Rosa dos Ventos.

Em 1977, familiares de José António Luz cederam pequeno espaço para a construção de uma sala, construção essa que foi efectuada por todos os elementos do grupo, alguns deles ainda deste lado da vida, outros já regressados à Pátria Espiritual. 

Embora a casa não pertença ao grupo, este está ali sedeado gratuitamente. Após a obra já concluída, deram início a todo um conjunto de actividades doutrinárias.

Com escritura pública lavrada a 19 de Abril de 1978, tendo como presidente Sebastião Castro, o actual grupo tem funções distribuídas quer no aspecto doutrinário, quer no assistencial.

José António Luz, que assumiu a Presidência em 16 de Abril de 1994, conta-nos que os Sábados são destinados à visita aos doentes do Centro Hospitalar de Gaia, como voluntários, ao longo de 16 anos.

Desde a sua fundação, o N.E.R.V. criou uma assistência social que, no último Sábado de cada mês, distribui géneros alimentares e roupas pelas famílias carentes, seguindo assim o ensinamento “Fora da Caridade não há Salvação”.

 

O N.E.R.V. vive das quotas dos seus associados, recebendo para assistência social donativos, alimentos e roupas, sendo esta mesma assistência gratuita.

O N.E.R.V. tem capacidade para 60 pessoas, sem qualquer tipo de subsídios estatais, continuando a objectivar o estudo e a divulgação da Doutrina Espírita no seu tríplice aspecto: Ciência, Filosofia e Ética Moral e Religiosa.
Com vários projectos em mente os elementos do N.E.R.V. trabalham norteados pela máxima   “Espíritas amai-vos, Espíritas instruí-vos”.
 Assim prosseguem os elementos do N.E.R.V.;  apenas trabalhando.

41 anos

existência

162 anos

de doutrina

codificação

como base doutrinária